Quem somos

Somos um Instituto que promove cursos, palestras, seminários e treinamentos integrando o Direito (suas formas de solução de conflitos) à Neurociência e ao Mindfuness.

Os participantes de nossos eventos são, em geral, operadores do Direito ou interessados de ramos afins que estão buscando alinhar qualidade de vida, significado na profissão, eficiência com seus clientes e colegas de profissão, alçando um novo patamar em termos de autoconhecimento, consciência e contemporaneidade.

Nossa dedicação é ao ensino da neurociência e da compreensão da mente humana e dos métodos de construção de consenso, dentro do Direito, para solução de conflitos.

Integramos a neurociência comportamental ao campo da negociação, da mediação, da conciliação e das práticas colaborativas, como ferramenta de potencialização da capacidade de comunicação entre as pessoas, da tomada de decisões compartilhadas, do reconhecimento de interesses (próprios e daqueles com quem nos relacionamos), objetivando ampliar as possibilidades de gestão positiva dos conflitos.

Fundadores

Marcelo Csermak

Marcelo Csermak Garcia é pesquisador e praticante de mindfulness há mais de 18 anos, mestre e doutorando em psicobiologia pela UNIFESP… ler mais

  

Marcello Rodante

Marcello Rodante é advogado colaborativo e mediador de conflitos, diretor do Instituto Brasileiro de Práticas Colaborativas e sócio do escritório Rodante & Scharlack Advogados… ler mais

Propósito

Nosso propósito é disseminar uma abordagem efetiva para a criação de consenso, como forma de gestão e superação de desavenças, priorizando o autoconhecimento, a excelência das relações humanas e o aprimoramento de resultados por meio de ferramentas comportamentais e de liderança pessoal, como o Mindfulness.

Buscamos a união da neurociência, em seu aspecto comportamental, para integrá-la ao Direito (como forma de aprimorar os mecanismos de resolução de disputas, melhorar a qualidade de vida pela gestão do estresse e ansiedade, aumentar a capacidade de resiliência, criar novas possibilidades neuronais de tomada de decisão), colaborando com uma sociedade mais ética e humana. Saiba Mais!